E agora, como irá se chamar?

Depois que se sabe o sexo do bebê, ou dos bebês, vem a dificílima tarefa: que nome escolher? Nossa, no meu caso, foi quase uma tarefa de gincana, de tão difícil que foi! São tantas opções, mas no fim todo nome tem algum detalhe que eu não gostasse… E agora? Afinal, é uma decisão para a vida toda.

As minhas preferências sempre foram os nomes curtos, que fossem mais fáceis de falar e até escrever. Queria um nome bonito, porém diferente. Forte, mas com sua delicadeza. Que combinasse com nossos sobrenomes. Com um significado bonito (coisa de mulher). E o pai, bom, ele não sabia qual diretriz, simplesmente não gostava de nenhum nome. Fácil, né?

Na verdade, acho que o mais importante é, depois, quando a criança crescer, se sentir confortável com este nome. Se eu pudesse dar uma dica seria: converse muito e desde cedo com o seu parceiro sobre os nomes, escreva e fale alguns nomes em voz alta, chame o bebê. Existem também diversos sites e livros que podem ajudar com a escolha do nome e seus significados.

Mas voltando ao meu caso, eu tomei a decisão de começar a chamar pelo nome que eu mais amava: Théo. Durante certo tempo, conversava com a barriga e sempre citava esse nome. E em alguns dias, já estava decidido :)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>