Aprendendo a mamar – mais uma vez

O caminho do hospital para casa foi o mais tranquilo possível, acho que só nesse momento ele conseguiu descansar depois da cirurgia. Ele dormiu tão amado, tão sereno, e eu aproveitei e tirei o atraso do sono também.

Essa primeira semana depois da queiloplastia foi uma superação de desafios, uma atrás da outra. Começamos pelo mais básico: mamar. A condição que ele saiu do hospital, ele não queria de jeito nenhum, ele teria que tomar leite pela seringa, para que de jeito nenhum os pontos fossem machucados. Não podia usar mamadeira… E cada vez que ele via aquela seringa, ele ficava nervoso, e chorava muito. Eu contei com a ajuda de muita gente, minha família foi bem importante. Quando eles chegavam na minha casa, o Théo ficava distraído, e tomava um pouco de leite,  mas bem pouco.

Lá pelo terceiro dia me bateu um desespero, pois ele deveria mamar 120 mls a cada 3 horas, e não tomava nem 30mls. E ainda tinham as talas nos braços, que irritavam demais. Mas o médico insistia que não tinha jeito, eu não poderia dar  mamadeira de jeito nenhum… Eu testei outras formas, algumas funcionavam por um tempo. Testei com copo, com colher, e até uma mamadeira que tem uma colher na ponta.

A forma que mais deu certo, que vou compartilhar aqui com vocês,  foi usar a própria mamadeira dele. Isso mesmoooo. Mas vou explicar: lembram daquele bico especial para lábio leporino, que eu contei que ele sempre usou? Então, eu botava o leitinho dele na mamadeira, e sem encostar na boquinha dele, fazia alguns jatos de leite lá  dentro. E assim, lentamente, ele mamava. Acho que o cheirinho da mamadeira dele e a quantidade de leite que saia, ajudava para que ele mamasse mais tranquilamente.

E finalmente, passados 10 dias, fomos tirar os pontos, que foi super tranquilo. Não demorou 20 minutos para ver aquele rostinho cada vez mais lindo, sem pontos. À partir daqui, acreditei que as coisas começariam a melhorar a cada dia. Ficou lindo, né?

Meu Théo, depois de tirar os pontos. Não é por que sou mãe dele, mas é um bebê tão charmosooooo :)

Meu Théo, depois de tirar os pontos. Não é por que sou mãe dele, mas é um bebê tão charmosooooo :)

1 Comment Aprendendo a mamar – mais uma vez

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>